Archive

Posts Tagged ‘ios’

Debugando aplicativos no IOs (IPhone)

É possível debugar uma aplicação rodando no IPhone (ou no emulador) direto pelo Navegador (Safari). Para fazer isso, conecte seu dispositivo via porta USB em seu computador ou inicie o emulador. No Safari, va em Preferences, Advanced e mande exibir as opções de Desenvolvimento:

Selection_082Feito isso, caso queira debugar de seu dispositivo físico, abra o Safari e desabilite o provate Browsing e habilite o Web Inspector am advanced:

Selection_083 Selection_084Feito isso, no Safari de seu desktop, na opção Develop, você ira ver seu dispositivo e conseguir selecionar sua aplicação.

Enjoy!

Criando um CRUD com Ionic e SQLite para IPhone e Android)

No conjunto de slides abaixo mostro um passo a passo de como criar uma aplicação móvel hibrida, que deverá rodar em Android e IPhone, utilizando o framework Ionic (Cordova, Angular, Bootstrap) e acessando um banco SQLite, e efetuará as operações de CRUD (Create, Retrieve, Update e Delete).

O código fonte encontra-se no meu GitHub.

Enjoy!

Brackets: um ótimo editor para JavaScript, Html e cia

brackets-editor-logoEncontrei um editor muito leve e com vários plugins do tipo do Sublime para utilizar em meu dia a dia: o Brackets. Ele é Open Source e pode ser utilizado livremente, pode ser baixado aqui.

Lembrando que o Sublime não é grátis. Para uso comercial você deve comprar de acordo com a sua EULA. Veja aqui,

Vale a pena comparar com a Licença do Brackets aqui. (MIT)

O Brackets tem vários plugins muito interessantes que tornam a vida do desenvolvedor mais fácil. Para quem trabalha com Angular e Ionic, existem meios de gerar projetos automaticamente. Vale a pena!

Esteja atendo aos softwares que utiliza e as suas licenças. Não podemos “culpar” o governo e fazer coisas erradas.

Desabilitando segurança WEB no Chrome

Muitas vezes precisamos efetuar algum teste de páginas com Java Script (JQuery, Angular, etc) rodando a pagina em nossa própria máquina. Por default, não conseguiremos pois não poderemos acessar recursos dela. Para desabilitar tal comportamento, os comandos abaixo resolvem:

Para rodar no Linux:

google-chrome –args -disable-web-security

Para rodar no MAC OS X :

open /Applications/Google\ Chrome.app/ –args -disable-web-security